Um mês depois, pelo menos 300 mil servidores ainda estão vulneráveis ao Heartbleed

A grave falha de segurança no OpenSSL, que ficou conhecida como Heartbleed, foi divulgada ao público há mais de um mês, mas muitos servidores continuam vulneráveis. De acordo com o especialista em segurança Robert Graham, pelo menos 300 mil servidores estão sujeitos a falha, número bem menor que os 600 mil de 30 dias atrás, mas ainda assim bastante preocupante.

 

heartbleed

O número exato é de 318.239 servidores vulneráveis, mas a quantidade real pode ser maior. É que, no mês passado, Graham encontrou 28 milhões de servidores com SSL habilitado, mas desta vez só foi possível testar 22 milhões de máquinas, talvez por conta de bloqueios automáticos de segurança. Além disso, Graham só fez os testes na porta 443, a mais comum; pode ser que servidores que operam SSL em outras portas também estejam vulneráveis.

Os mais de 300 mil servidores sujeitos ao Heartbleed fazem parte de um universo de 1,5 milhão de sistemas que suportam o heartbeat, extensão que mantém ativa uma conexão SSL. Aproveitando-se da falha no heartbeat, um criminoso pode obter 64 KB de dados da memória do servidor a cada ataque. Ao fazer isso repetidas vezes, é possível obter informações sensíveis, como senhas e números de cartão de crédito.

A falha afetou grandes serviços, como Yahoo, Flickr, Steam, XDA Developers, StackOverflow e Tumblr. Boa parte das empresas que estavam vulneráveis ao Heartbleed já corrigiu a falha e alertou os usuários. A recomendação é trocar pelo menos suas principais senhas, especialmente as que você usa constantemente e dão acesso a dados sensíveis.

Fonte: The Verge.

Anúncios

About carlosfabiano

Analista de infraestrutura e Segurança Professor de Tecnologia da Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: